Arquivo da categoria: Leituras

Leituras de 2a Feira

10 regras de etiqueta para o corredor de rua segundo a Canadian Running.

Na Outside Alex Hutchinson mergulha mais uma vez em um assunto que traz muitas possibilidades, determinação de ritmo em prova. Corrida (atletismo) é um esporte de você contra vários oponentes, então os não-iniciados acham que os adversários impactam pouco no resultado em nosso desempenho. Porém, quem estuda o assunto sabe que não e entende melhor como chega a ser fascinante o nosso comportamento, por mais experiente que sejamos, quando lidamos com gente mais rápida e mais lenta. Aqui o artigo!

Autojabá: no outro blog explico o que um galo pode nos ensinar sobre jejum e desempenho.

Uma entrevista de certa forma rara com o norueguês Jakob Ingebrigtsen.

Uma emocionante (e longa) leitura sobre aposentadoria na corrida, pandemia e outras coisas nas palavras de um profissional.

Etiquetado

Leituras de 3a Feira

No UOL belíssima matéria com o maior nome vivo do atletismo brasileiro, Joaquim Cruz!

Mais uma matéria, dessa vez no The New York Times, tentando explicar pela enésima vez uma nova teoria sobre o “barato do corredor”.

Uma matéria longa, mas espetacular e necessária na NBC Sports trazendo pra conhecimento da maioria do público uma história e um protesto que o tempo quase apagou, quase nos fez esquecer. E ele não pode ser esquecido!

A velocista Evelyn Ashford é uma das maiores de todos os tempos, e ainda não reconhecida pelo grande público. A World Athletics neste mês das mulheres está corrigindo parte desse erro. Aqui uma bela matéria contando sua espetacular carreira.

Matéria na Outside com estudos que tentam entender e explicar as estratégias da elite para enfrentar o calor brutal no Mundial de Atletismo em 2019.

Uma entrevista com o escritor e corredor Adharanand Finn que passou meses e meses treinando entre quenianos e depois entre japoneses e disso escreveu 2 excelentes livros!

Etiquetado

Leituras de 5a Feira

Aproveitando o dia internacional da mulher alguns nomes estão sendo merecidamente lembrados. Um deles é o da velocista americana Wyomia Tyus. A matéria, ainda que em toma de lamentação, recapitula bem a envergadura atlética dessa pioneira!

A velocista Evelyn Ashford é uma das maiores da história, mas ainda assim é menos lembrada. Essa matéria revela sua participação no revezamento 4x100m em 1988 que é tido como o melhor desempenho individual nessa prova.

Aproveitando a deixa do Dia Internacional das Mulheres a Canadian Running traz uma lista de mulheres que ajudaram a mudar o mundo da corrida.

Apesar de ser talvez a maior velocista da história é raro uma entrevista com a espetacular Shelly-Ann Fraser-Pryce. A Athletics Weekly nos corrige essa mácula!

A cultura de Ekiden (provas de revezamento tipicamente japoneses) está cada vez mais difundida, mas é uma experiência para poucos, seja por causa do isolamento, seja porque há permissão de apenas um estrangeiro por equipe profissional. Uma das únicas, senão única atleta não-africana, Melissa Duncan faz um relato incrível de sua experiência como corredora profissional dentro de uma equipe local. Ela fala da rotina e do choque de culturas em todos os níveis! Vale a leitura!

Etiquetado

Leituras de 2a Feira

No The Times um texto explicando algo que vocês já cansaram de ver neste espaço: você não vai emagrecer correndo, isso porque a corrida é uma ferramenta muito ineficiente para promover a perda de peso.

O britânico Dave Bedford é um dos meus ex-atletas favoritos em todos os tempos. A Athletics Weekly faz uma homenagem listando suas 100 maiores provas!

A ex-IAAF fez um curto vídeo contando vida e carreira da fantástica saltadora venezuelana Yulimar Rojas!

SUPER NOVIDADE!!! Nós do podcast 3 Lados da Corrida lançamos uma novidade sem igual no mercado brasileiro, um Club de Assinatura com conteúdo exclusivo! Lives (vídeos) semanais, episódios exclusivos… tudo para ver ao vivo ou quantas vezes quiser, além de descontos e sorteio de 24 tênis!! Para participar basta visitar o site e ver como tudo funciona! Será um prazer tê-lo conosco nessa nossa comunidade!

Um texto antigo com uma história que eu desconhecia: de como e quando a soviética Tatyana Kazankina se tornou a primeira mulher a quebrar a barreira dos 4 minutos nos 1.500m.

Etiquetado

Leituras de 3a Feira

A história da jovem e talentosa Jenny Spangler é uma daquelas que emociona, que parece escrita em filme de ficção! A ótima Lope Magazine fala dela em recente artigo!

Ed Moses é um dos maiores da história. Matéria incrível da Athetics Weekly traz uma lista e detalhes das maiores provas desse ícone!

Belo texto no The New York Times explica com a ajuda do grande Daniel Lieberman a complexidade biomecânica que faz dos seres humanos pódio na olimpíada mundial de corrida de longa distancia entre animais!

Talvez por se tratar de tempos mais inocentes, gosto de ler a vida e carreira de atletas do passado. Me considero um conhecedor muito acima da média, mas ainda assim apenas agora fui apresentado ao velocista americano Eddie Tolan, o primeiro negro a ganhar dois ouros olímpicos! Demais! Leia sobre ele aqui!

Nick Willis é um monstro! Após completar 19 anos seguidos correndo uma Milha abaixo de 4 minutos ele voltou às manchetes. E seu novo patrocinador fez um vídeo emocionante abaixo!

Etiquetado