O que nunca te contaram sobre CADÊNCIA

Tenho dificuldade de entender a importância e a necessidade que muitos insistem em dar a um marcador pobre como a CADÊNCIA. Na minha experiência nunca estive próximo de treinador que sequer tentava controlar essa variável. Talvez como eu, eles achavam que ela é mto mais CONSEQUÊNCIA do que CAUSA, mais marcador do que meta.

O que essas pessoas que olham cadência dão sinais claros de não conseguir entender é que comprimento de passada é uma REAÇÃO à FORÇA do impulso. O corredor amador adora ficar teorizando sobre pisada. Mal entende ele que o contato (que vai ditar o TIPO de pisada) é MUITO menos importante que TODA a fase de empurre. É do IMPULSO que sai o trabalho mecânico (ativo) enquanto o contato é PASSIVO. Talvez POR ISSO não encontramos correlação significativa de desempenho e TIPO de pisada, porque a pisada seria de muito MENOR importância.

Quem pede cadência de 180ppm ou não entendeu absolutamente NADA ou não leu o estudo original de DANIELS. Não faz sentido NENHUM pedir 180 qdo se debruça sobre o que temos de dados!

Vamos lá, nosso objetivo MAIOR é bem simples: completar uma distância no menor tempo possível. É MUITA ingenuidade achar que vamos correr quilômetros em parciais iguais. Nem os prós conseguem! O papel do treinador não é criar um “corredor-metrônomo”, mas desenvolver nossa capacidade de RESPONDER a várias situações de prova.

Nossa velocidade é resultado da passada e frequência (cadência). Temos uma miríade de possibilidades. Se mesmo os MELHORES DO MUNDO mudam essa “relação de marchas”, como então o amador conseguiria manter uma mesma?

O cansaço pode diminuir nossa força, fazendo necessária a redução da cadência pra compensar isso (você tem mais tempo “empurrando”, pra aumentar a amplitude). Nesse caso, a queda da cadência é algo indiretamente BOM, desejável! Por exemplo, o tempo de contato ao cair (e cai!) 5 centésimos por passo, mudaria a cadência em 5% (180 viraria 170). É ruim? Não mesmo! Pois permite músculos se revezarem no trabalho ao mudar o padrão motor. E isso é melhor feito quando o atleta TREINA em DIFERENTES velocidades e DISTINTAS cadências. Buscar uma cadência, por exemplo de 180, torna o atleta PIOR.

 

Etiquetado , , , ,

4 pensamentos sobre “O que nunca te contaram sobre CADÊNCIA

  1. Antonio Rosa Bellas disse:

    Caríssimo
    Concordo, para variar, integralmente com vc
    A cadência não é para ser perseguida, é sim um marcador, que eu não sabia nem que existia, até a pouco tempo (minha primeira maratona foi em 1982)
    Ainda acrescentaria nos objetivos, não se machucar, o que te da principalmente, longevidade no esporte, que é o que os velhinhos, como eu, querem
    Para variar, um post brilhante!
    Ps, nunca tive saco de ler o J Daniela, prefiro na forma líquida….

    Curtido por 1 pessoa

  2. Antal Varga disse:

    Balu, muito bacana a abordagem do metrônomo. Na música a cadência faz todo o sentido e é um marcador fundamental porque ela trata de harmonizar (cadência harmônica) e dar ritmo (cadência rítmica) ao(s) seu(s) partipante(s), demonstrando uma determinada intenção musical.
    Na corrida não tem nada disso. Como você disse o objetivo é chegar ao final o mais rápido possível.

    Curtir

  3. Caio disse:

    Balu,
    Entendi o que vc diz sobre cadência depois de um treino, por acaso: sempre fiz meus longos com uma cadência de mais ou menos 169 passos por minuto. Certo dia, fiquei com vontade de saber meu melhor tempo em uma milha. Fiz pouco menos de 6′ e, adivinha, com cadência de 180, coisa que nunca consegui! Obviamente essa cadência foi consequência da velocidade que atingi, a qual não atinjo nos longos. Foi um aprendizado!

    Curtido por 1 pessoa

  4. Carlos Eduardo de Abreu e Lima disse:

    No começo do treino minha cadência é lenta, pois o corpo ainda está frio. À medida que esquenta, naturalmente eu engato o que chamo de “segunda marcha”, ou seja, a velocidade aumenta e, consequentemente a cadência também.

    Curtir

Duvido você deixar um comentário...

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: