Leituras de 3a Feira

No portal Saúde Ancestral explico como a Corrida pode explicar os benefícios do Jejum.

Baixo peso é essencial ao melhor desempenho na corrida. A rigidez da cultura japonesa pode levar isso a um extremo muito perigoso. Aqui uma bela reportagem falando das consequências nefastas que um treinador irresponsável e inconsequente teve na vida de uma talentosa atleta japonesa de elite.

Acho que todo leitor daqui já deve ter corrido alguma prova em revezamento (Maratona, Volta à Ilha, Volta ao Lago-DF, TTT…). Se não fez, faça! Uma matéria do The New York Times fala da camaradagem de correr essas provas!

Off-topic: um texto incrível na Sports illustrated reflete se não é hora de os EUA se darem conta que o Futebol Americano é apenas um esporte.

Abaixo o vídeo que a Salomon TV fez falando do “descomunal” movimento das corridas.

Etiquetado ,

6 pensamentos sobre “Leituras de 3a Feira

  1. Marcel Pracidelle disse:

    Partindo para a não linearidade na alimentação. Então vc acredita que é melhor (ou menos pior) eu comer um pote inteiro de sorvete no domingo e passar a semana inteira sem doces do que todo dia após o jantar comer uma bola de sorvete?
    Abs

    Curtir

    • Danilo Balu disse:

      Feast-fast. SIM, exatamente isso! Comer muito sorvete EVENTUALMENTE COM CERTEZA é melhor do que uma (ou meia) bola de sobremesa todo jantar. O carboidrato está na nossa dieta “natural” por algum motivo… seu consumo crônico faz mal. Picos agudos de alto consumo devem fazer MUITO bem.

      Curtir

      • Marcel Pracidelle disse:

        Deve ser por isso que eu consigo me manter magro mesmo sendo ogro nos finais de semana… Falo que para comer pouco sorvete, prefiro não comer.

        Curtir

      • Danilo Balu disse:

        Eu não diria que é só pra isso. Mas um argumento que vc tem e eu repito e recomendo é se for pra sair da linha, que seja em gde estilo. Só como bolo, torta, doce, cerveja… Se for de mto boa qlide. Não queimo cartucho com coisa ruim.

        Curtir

  2. Antal Varga disse:

    Balu, lendo o texto da Saúde Ancestral lembro de qdo me consultei pela 1ª vez com uma nutricionista (sim, já fiz isso). Ela me disse que a rotina alimentar não é interessante pois, entre outras coisas, facilita o surgimento de alergias alimentares.
    Aliás, acredito que tendemos às rotinas pq pensar, tomar decisões cansa. Eu sempre comia as mesmas coisas, ainda que “saudáveis” e na corrida tendia a fzer sempre o mesmo tipo de treino e distância, entrando numa homeostase inconveniente.

    Curtir

    • Danilo Balu disse:

      A rotina alimentar não é legal justamente qdo ainda estamos em fase de crescimento (bebês, crianças)… nessa fase há 2 vantagens: vc aumenta o “repertório” do paladar e expõe a criança a novos alimentos e elementos que podem ou acusar uma alergia ou mesmo evitá-la no futuro (no passado comíamos terra, hj nos fecham em condomínios esterilizados, nada pior… veja a explosão de asma, bronquite, alergias….). Na fase adulta os levantamentos mostram o OPOSTO, que variabilidade na dieta é sobrevalorizado… qto mais a pessoa varia, pior é o desfecho. Qdo olhamos a natureza vemos que os animais comem a “MESMA” coisa a vida inteira. Por que teríamos que ser diferentes? A teoria não deve NUNCA suplantar a prática.

      Curtir

Duvido você deixar um comentário...

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d blogueiros gostam disto: