Leituras de 5a Feira

Abaixo o vídeo do novo tênis da Vivo, marca minimalista. O modelo é para correr em pedra e ambientes molhados.

Longa Leitura: um texto fantástico! Como é o mundo subterrâneo, obscuro, ilegal das corridas por aposta? Um fundista argentino de sucesso banca o jornalista e se aventura em um enorme mercado paralelo que existe em Buenos Aires onde amadores se duelam, “um-contra-um”, valendo bastante dinheiro. Não deixa de ser irônico que amadores movimentem tanto dinheiro enquanto o atletismo argentino mingua há décadas. Foi o que falei com o Paulo Braga, que foi quem me enviou essa super-dica: deixando de lado a questão moral da ilegalidade, ela vem suprir uma demanda de pessoas interessadas. O meio-fundista aposentado Nick Symmonds (EUA) por anos advogou em favor da possibilidade de apostas em atletas (como fazemos atualmente com cavalos) e a liberdade de venda de cerveja nas arquibancadas. O atletismo segue irredutível em um mundo que muda constantemente. Enquanto isso não vem o mercado dá um jeito! O treinador olímpico Gilmário tempo atrás me contava do caso de um atleta amador já bem veterano que aceitava apostas em uma rodoviária no interior da Bahia. Você apostava para poder duelar com ele em uma distância de pouco mais de 50m. Ele nunca o viu perder. Aqui a matéria argentina no La Nacion.

Off-topic: atleta de cross-country no ensino médio, o americano Walter Carr quebrado financeiramente consegue um emprego a pouco mais de 30km de sua casa. Com o carro quebrado ele conclui que não há outra maneira de chegar a tempo no primeiro dia de seu novo emprego senão saindo sem dinheiro algum meia-noite de sua casa para ir até lá… andando! Um policial o encontra e madrugada, descobre a história que viraliza. Seu novo patrão emocionado dá seu carro usado ao novo funcionário. Os bons são maioria.

Off-topic 2: um estudo MUITO legal veio dar números sobre o efeito do pelotão na economia com a resistência do ar em ciclistas profissionais. É ENORME, maior do que sempre se imaginou. O blog, porém, é sobre Corrida, mesmo ciclistas amadores pedalam em velocidades muito maiores do que os corredores mais rápidos, então qual o nosso interesse? Acho que você imagina…. Correr em pelotão também traz seu benefício mental (gasto menor pensando em ditar o ritmo) como também físico (menor resistência ao ar). Ou você pode ser teimoso e seguir seu GPS, correndo sozinho e ignorando o enorme benefício dessa informação. Aqui a matéria do The Wall Street Journal.

Segue um vídeo com imagens belíssimas de uma ultramaratona de 120km na Itália, a Lavaredo Ultra Trail!

Etiquetado ,

4 pensamentos sobre “Leituras de 5a Feira

  1. Antal Varga disse:

    Balu, aonde achar tênis minimalistas aqui no Brasil ? E esses “teasers” das ultras são muito inspiradores, as da UTMB e Spartathlon são fantásticas.

    Curtir

  2. Andre Berlesi disse:

    Demais a matéria do la nacion. Incrivel. Esses “duelos” devem ser muito mais divertidos é emocionantes de assistir do que uma prova oficial.

    Curtir

Duvido você deixar um comentário...

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: