Últimas Leituras do ano!!

O Globo Esporte trouxe um personagem que dedica parte do seu tempo a promover a corrida entre crianças. O Tio Barba, como é chamado, vai de escola em escola e ao final premia as crianças com medalhas a todas elas. Muito bom!

Matéria em revista espanhola tenta responder: por que os quenianos sempre ganham? *dica do Igor Oliveira.

Um texto explicando o quanto o doping poderia ajudar um velocista profissional. A diferença entre eles é tão tênue, os ganhos financeiros são tão díspares, os benefícios de desempenho tão inegáveis e a capacidade de pegar os trapaceiros é tão baixo que o conjunto explica a epidemia de dopados que encontramos no atletismo.

10 fatos do mundo da corrida em 2016 segundo a Race Raves.

O Pequenas Empresas Grandes Negócios falou do crescimento da corrida de rua no Brasil e em SP nos últimos anos. São sempre número chutados, mas dá uma noção do tamanho e complexidade dos eventos para quem acha que é só lucro fácil.

Como é de praxe, a IAAF faz seu resumo anual com o que aconteceu nas diferentes especialidades: Meio-fundo, longa distância, cross-country e corrida de rua, barreiras, saltos, lançamentos e arremessos, provas combinadas, revezamentos e marcha atlética!

Senhores, voltamos provavelmente já na 2a feira dia 02! Feliz 2017 a todos nós!

ab7ebfba-f119-44a8-b8c8-0f8a910d4fcc

Etiquetado

2 pensamentos sobre “Últimas Leituras do ano!!

  1. Hélio Shiino disse:

    “O Pequenas Empresas Grandes Negócios falou do crescimento da corrida de rua no Brasil e em SP nos últimos anos. São sempre número chutados, mas dá uma noção do tamanho e complexidade dos eventos para quem acha que é só lucro fácil.”
    (Danilo Balu)

    É inegável que o número de Corridas de rua vem crescendo mesmo com certos valores de inscrição surreais. Economicamente explicando, se tem Demanda, tem Oferta. Mas enfim…

    Os bons observadores de plantão, lá atrás, se tocaram neste filão e cada vez mais vem investindo e alavancando este Negócio.
    Crise? Mas que crise?
    Sim, Um Negócio! Tanto é que acabamos de assistir a uma matéria que fez parte do Programa PEGN.

    Negócio…
    Mas Corrida de Rua não era para estar fazendo parte de um Programa de Esporte?
    Também!

    O barulho do Evento tomou uma proporção gigantesca que muitos nem devem ter se dado conta desse amalgamado de Esporte e Entretenimento.

    No início deste ano, por conta do Boom da Corrida que não é um fenômeno recente, me veio a curiosidade de pincelar algum outro Esporte que tenha inflado como aconteceu com a Corrida de Rua.
    Sinceramente?
    Não encontrei. E olha que em cada dia desta “competição” vemos um número de participantes que atinge facilmente a casa dos 4 dígitos!!!!!

    Mas o que é que a Corrida de Rua tem que outro Esporte não tem?????
    A possibilidade de participação de não-federados!

    Pegue uns 10 esportes como exemplo excetuando a Corrida de Rua.
    Desses 10 esportes, verifiquem a sua prática em qualquer parte do Mundo.
    Em hipótese alguma é vetada a participação de qualquer camarada que “nasceu ontem” para este esporte, a participação em uma Competição Oficial.
    Em suma, se você não é federado, você não pode participar!

    Voltando a Corrida de Rua, este Esporte permite que QUALQUER Cidadão (atentar ao Regulamento quanto a idade mínima para participação) faça parte dessa Festa, que dizer, dessa Competição.
    Com esse pré-requisito mínimo, se permitiu que se inflasse o número de participantes.
    Logicamente, tirando uma meia dúzia de atletas que disputam o pódio, o resto para trás é apenas para compor o cenário do Evento.
    Imaginem, até mesmo nas Majors, se não tivessem esses importantes coadjuvantes! Insosso, Inodoro e Insípido seria!

    É por isso que a Corrida de Rua que nasceu como um Esporte, permite que qualquer pessoa se vislumbre com a ideia de ser um grande Atleta todo o fim de semana.

    Os organizadores entraram para transformar em um Grande Empreendimento onde a alma do negócio é sustentar o imaginário dessas pessoas de se sentirem não tão somente inserido no Esporte, mas o de tornar, nem que seja apenas por este dia, o Protagonista de uma Grande Festa!

    Aproveitando a polêmica da “Procissão” de São Silvestre, é por isso que ela será assim como ela sempre foi. Mais do que nunca, por acontecer no último dia do ano, o lado esportivo, inexoravelmente, sempre será engolido pelo lado festivo!

    Balu,
    Um Grande Abraço,
    Muito Obrigado por nos proporcionar a leitura de cada Post publicado neste Blog e
    que 2017 seja de Muita Paz, Saúde e Prosperidade!

    Curtir

Duvido você deixar um comentário...

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: