Mais pitacos ou: mulher gosta de prova grande ou faz a prova grande?

Estava para escrever comentários sobre os dados que postei aqui no Recorrido referente às Meias Maratonas brasileiras, das Maratonas nacionais e das 50 maiores corridas de rua do país. Faltava tempo, mas consegui!

Minha primeira surpresa foi ver que alguns sites, veículos, e outros me escreveram pedindo para usar e divulgar os dados. Me achei menos estranho porque ficava pensando se não havia interesse em dados que acho importantes para entender melhor o mercado.

Olhando como um todo, a Maratona é bem aquilo que eu esperava, um crescimento tímido, carregado pela Maratona do Rio. Cada vez mais provas (19 ou 36% a mais), mas apenas 4 grandes. Muito mais mulheres correndo, mas ainda pequena minoria. E o exterior ainda atrai bem, mas com a dificuldade de uma crise acentuada.

Na Meia Maratona vem o espanto. Aquela que seria talvez a nova queridinha do brasileiro, patina. Mais provas, mas menos homens correndo, mais mulheres, empate no geral. 2016? Acredito em um cenário parecido…

Em as 50 maiores provas do Brasil por sua vez mostram como a TV tem peso fundamental. A distância também parece ser importante porque a maioria das provas ainda são as de 5km e 10km. Mas algo que pode passar despercebido é como a atenção com as mulheres é fundamental. A prova para crescer e estar entre as maiores precisa atrair muita mulher! Se falhar nesse ponto, acende-se a luz amarela. Mas até onde?

E aí cheguei a um dado. Em conversa informal com o pessoal do Corrida no Ar eu dizia que brasileira gosta mesmo é de prova grande. Então fiz um gráfico cruzando tamanho da prova e a participação feminina. O resultado quando você olha nas Meias Maratonas é que quanto mais concluintes, mais mulheres, em um efeito que não sei se é causa ou consequência (arrisco dizer que é consequência).

Quanto mais concluintes em uma Meia Maratona brasileira (2015), maior a porcentagem de mulheres

Quanto mais concluintes em uma Meia Maratona brasileira (2015), maior a porcentagem de mulheres

Porém, quando você faz o mesmo trabalho usando somente as 50 maiores provas do país, a resultante é invertida, ou seja, mais concluintes, menos mulheres. Explicações eu não tenho. Vocês têm?

Quanto maior o número de concluintes das 50 maiores provas brasileiras (2015), menor a porcentagem de mulheres

Quanto maior o número de concluintes das 50 maiores provas brasileiras (2015), menor a porcentagem de mulheres

Etiquetado , , , , , , ,

7 pensamentos sobre “Mais pitacos ou: mulher gosta de prova grande ou faz a prova grande?

  1. Adolfo Neto disse:

    Acaso.

    Curtido por 1 pessoa

  2. Luis Oliveira disse:

    Eu tenho um palpite, Balu: não há qualquer correlação entre mulheres e concluintes. Há muito menos causalidade. Basta olhar o gráfico e ver. Podes fazer os testes estatísticos se quiser.

    Curtido por 1 pessoa

  3. Mauro Leão disse:

    Mulher gosta de prova grande. Acho… que vão por achar que está diretamente ligada a boa organização, estrutura e “festa”.

    Curtir

  4. Meu chute é que pra elas o “visual” importa muito, uma prova com percurso bonito as atrai mais. Vide as meias do Rio (2X% e 4X%) e os 10Km da Tribuna.(4X%).Já a meia de SP tem menos de 20% e a Maratona Pão de Açucar, por volta de 20%…
    Elas tbm gostam das provas noturnas, nas Night Runs são maioria e Star Wars tem 4X%…
    Na verdade, tentei encontrar alguma lógica a partir dos dados das provas…

    Curtir

  5. adrianapiza disse:

    Tem muitas provas pequenas, muitos pontos no gráfico de um lado só, e poucos pontos referentes a provas grandes… acho que não dá pra concluir nada. Tem muita prova pequena tanto com pouca como com muita mulher! Acho que uma coisa que pode influir e chamar mais mulheres nas provas é corrida com algum apelo, tipo Corrida da PAZ (acho que eram 50% em 2015), Corrida contra o Câncer de mama (60%), GRAAC (40%).
    O fato de ser na praia ou até ter diferenciais exclusivos tipo tenda ou kits com produtos frufrus…também pode atrair.
    Ou seja, acredito que para atraí-las precisa ter alguma coisa a mais, um apelo além da corrida pura em si.

    Bom, acho que o que atrai mais as mulheres é prova exclusiva de mulheres…aí é 100% rsrs

    Curtir

  6. Estevam disse:

    Balu, vc já pensou que esses dados podem não ter uma relação linear? Será que poderiam ser descritos por uma parábola?

    Curtir

Duvido você deixar um comentário...

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: