Leituras de 2a Feira

Já falei no blog da Barkley Marathon, uma prova de 100 milhas em 5 voltas que é amadora, existe desde 1986, tem uma taxa de conclusão de 1% (14 em 1.100) e que na edição deste ano derrotou os 40 competidores que ousaram desafiar o evento.

E eis que parece que um jovem de 21 anos leva o recorde mundial da Beer Mile para Austrália! Veja aqui o feito de James Hansen.

Acho que sabem bem o que penso sobre suplementos esportivos (estou devendo um texto mais longo). Basicamente acho que são práticos, TOTALMENTE dispensáveis, uma bengala (técnica e financeira) de nutricionista e um tipo de ferramenta muito muito pontual. Pois se quem prega seu uso fala de sua vantagem para recuperar o atleta talvez devesse dar uma olhada em um estudo interessantíssimo que comparou suplemento com fast-food para recuperar atletas. O resultado surpreende!

Um adolescente de 17 anos dispara após a largada de uma prova de cross-country, tira uma selfie sua na liderança e acaba no centro de um prêmio de melhor fotografia. *sua selfie não foi a vitoriosa!

Sou grande suspeito, mas se você quer entender alguma coisa sobre lesões na corrida você TEM QUE ouvir sempre o que o Alexandre Lopes tem a falar. Ele vai derrubando um a um os montes de mitos que existem. Neste curto vídeo ele fala sobre um estudo que analisou os fatores de risco de lesões em corredores.

Havia um tempo quando eu era moleque que para economizar passe de ônibus eu corria pela 23 de Maio (importantíssima avenida de SP) até chegar ao treino na pista de atletismo do Ibirapuera (Constâncio Vaz Guimarães ou Ícaro de Castro Melo). Desisti depois de uns 3-4 dias quando minha camiseta branca chegou cinza escuro. Não estou exagerando! Definitivamente não é legal (nem o mais saudável) você correr pela USP, Belvedere (BH) ou ruas da cidade com carros soltando fumaça na sua cara enquanto aceleram ou manobram. Fazer o quê? Segundo um estudo dinamarquês citado por Alex Hutchinson, deixar de treinar é pior do que encarar a fumaça! Aliás, pegar carro para ir treinar é uma daquelas idiotices que nós brasileiros achamos normal. Mas não é! Um dia falo mais sobre isso…

Abaixo vai uma dica de boné a ser lançado. *dica de vídeo do Pedro Ayres.

Etiquetado ,

7 pensamentos sobre “Leituras de 2a Feira

  1. Nishi disse:

    Esse boné é legal, mas poderia ser uma viseira…

    Curtido por 1 pessoa

  2. Pedro Ayres disse:

    Essa questão da poluição é recorrente pra quem se desloca de bicicleta pela cidade (não necessariamente atletas). Conclusões, contra=concluões, teoremas, contra-teoremas, opiniões, contra-opiniões… Não vi nenhuma conclusão séria. Mas… se chegassem à conclusão que pedalar/correr respirando o trânsito automotor faz mal, eu singelamente concluiria que o que faz mal é o trânsito automotor.

    Tenho duas bicicletas, alguns pares de tênis de corrida (e um carrinho de feira!) e sou rançosamente anticarro.

    E, sim, tenho um nojo indescritível dos guerreiros que vão de carro ao seu local de treino, postam foto do gps com seu “pace”, e voltam pro engarrafamento.

    Seu corpo foi feito pra se mover, já diria a Olimpikus…

    Curtir

  3. Enio Augusto disse:

    Se tenho que ir de carro para algum lugar treinar, é quase certo que não vou. A menos que seja muito longe de casa ou reúna os amigos.
    Gosto de sair de casa já correndo, como aquecimento, e chegando na Beira Mar faço o treino de fato.

    Curtir

  4. adrianapiza disse:

    1.
    Essa prova insana de 100 milhas…me lembrou um artigo que vem com aquela história que somos feitos para correr…que se nos compararmos com outros animais seríamos os únicos adaptados a correr longas distâncias. Interessante, mas um pouco forçado eu diria, pois acaba nos comparando a outros animais que “correm”10 a 20km por dia como lobos, hienas…e diz que nós somos capazes de mais do que eles, corremos maratonas em poucas horas, e somos capazes de correr ultramaratonas, o que nenhum animal faz. Bom, nenhum animal vai correr essas distâncias se não é necessário para a sobrevivência! Pois é, somos estranhos mesmo, hoje somos os únicos a correr desta maneira, sem precisar….só para no fim dizer que corremos! O que faz alguém tentar fazer essa prova?

    http://www.slate.com/articles/sports/sports_nut/2012/06/long_distance_running_and_evolution_why_humans_can_outrun_horses_but_can_t_jump_higher_than_cats_.single.html

    2.
    Quanto à poluição, até quase os 30 anos só me locomovia de bicicleta, e sentia na roupa, no tênis….como o ar é sujo! E acho que hoje melhorou um pouco ao tirarem os caminhões durante o dia. Mas como uma pessoa comentou no artigo, o estudo foi feito na Dinamarca onde o índice de poluição do ar não deve ser nada comparado às ruas e avenidas daqui ou outros lugares. Pode ser que em um local muito poluído os resultados fossem diferentes…

    Aqui encontrei um site com o índice de qualidade do ar em tempo real no mundo todo! Antes de sair para correr, podemos consultá-lo!

    http://aqicn.org/map/world/

    Curtir

  5. adrianapiza disse:

    1.
    Essa prova insana de 100 milhas…me lembrou um artigo que vem com aquela história que somos feitos para correr…que se nos compararmos com outros animais seríamos os únicos adaptados a correr longas distâncias. Interessante, mas um pouco forçado eu diria, pois acaba nos comparando a outros animais que “correm”10 a 20km por dia como lobos, hienas…e diz que nós somos capazes de mais do que eles, corremos maratonas em poucas horas, e somos capazes de correr ultramaratonas, o que nenhum animal faz. Bom, nenhum animal vai correr essas distâncias se não é necessário para a sobrevivência! Pois é, somos estranhos mesmo, hoje somos os únicos a correr desta maneira, sem precisar….só para no fim dizer que corremos! O que faz alguém tentar fazer essa prova?

    http://www.slate.com/articles/sports/sports_nut/2012/06/long_distance_running_and_evolution_why_humans_can_outrun_horses_but_can_t_jump_higher_than_cats_.single.html

    2.
    Quanto à poluição, até quase os 30 anos só me locomovia de bicicleta, e sentia na roupa, no tênis….como o ar é sujo! E acho que hoje melhorou um pouco ao tirarem os caminhões durante o dia. Mas como uma pessoa comentou no artigo, o estudo foi feito na Dinamarca onde o índice de poluição do ar não deve ser nada comparado às ruas e avenidas daqui ou outros lugares. Pode ser que em um local muito poluído os resultados fossem diferentes…

    Aqui encontrei um site com o índice de qualidade do ar em tempo real no mundo todo! Antes de sair para correr, podemos consultá-lo!

    http://aqicn.org/map/world/

    Curtir

Duvido você deixar um comentário...

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: