Leituras de 2a Feira

Quando estamos falando de corrida, resultados e a relação dos gêneros com esse esporte, homens são mais competitivos e mulheres mais sociais, certo? Basta uma olhadela nos resultados e essa afirmação parece ser verdadeira. Mas pra que ninguém te chame de machista quando falar isso, você agora pode se basear nesse interessante artigo.

Leitura Obrigatória - BLOGLeitura obrigatória: estou com um texto parado tentando dar a minha aposta de quando mais ou menos rolará a Maratona abaixo das 2h00. É chute puro, mas por que não? Saiu muita coisa boa desde o recorde em Berlim, mas sempre cabe mais. Um compilado muito cuidadoso, detalhado e com sacadas bem originais é leitura obrigatória pra quem gosta do tema. Não concordo com tudo, principalmente com o local e a idade do tal atleta, mas o artigo é ótimo! Veja aqui! O autor? O ótimo Alex Hutchinson.

Quando saiu dias atrás o custo que a prefeitura de SP iria investir na reforma de Interlagos muita gente chiou. Mal sabem eles que este é o maior evento esportivo do país. O maior. Ter uma maratona grande como hoje têm Buenos Aires e Chicago, que rolaram ontem, traz muito dinheiro à cidade. Quando vamos ter aqui provas que Rio e SP merecem? Abaixo os dados americanos de 2013.

*bom, por hoje é “só”, pe-pe-pessoal!

impacto da chicago marathon na cidade

Etiquetado ,

5 pensamentos sobre “Leituras de 2a Feira

  1. O sub-2h na maratona é um evento aleatório e imprevisível. Sairá em algum momento quando um corredor muito especial e resistente for capaz de correr 57:30 na Meia Maratona, de forma que uma passagem de 60:00 não seja tão brutal. É uma pena que o Zersenay Tadese não acertou ainda uma, em teoria ele seria o homem mais adequado para passar 60:00 numa meia maratona “trotando”. Acho que ele, quando estava no nível de correr 58:23 na meia, era capaz de manter até 30 km o pace de sub2h.

    Quando vejo caras como o Dennis Kimmetto, que sequer corria antes dos 20 e foi capaz de chegar nesse nível, penso que talvez o sub-2h possa estar mais perto do que imaginamos.

    Curtir

    • Danilo Balu disse:

      Acho seu raciocínio perfeito qto às características de quem (e qdo) poderia quebrar a marca. Agora qto ao “otimismo”, gosto de lembrar que o esporte tem N exemplos de gente com pouca bagagem que fez gdes marcas, não é uma exclusividade do Kimetto, então não sou mto otimista…

      Curtir

  2. Martinho disse:

    E eu aqui em Teresina brigando c organizador de corrida que mede percurso errado, não organiza entrega de kit e deixa corredor disputar espaço em prova com carro, pq não preparou direito a logística da prova. O mercado running daqui esta crescendo muito. E tem uma prova que teria tudo para ser uma prova icônica da região, a maratona do Sertão, mas sem organização o mercado rui tão rápido quanto cresce…

    Curtir

  3. Eu acredito no 1:59…
    Mas tem que ser descalço, num percurso de 1 milha, como disse o Maffetone 🙂

    Curtir

  4. Adriana Piza disse:

    2075….já era! Vou perder essa rsrsrs!

    Muito bom o texto!
    Só achei a “explicação” do recorde feminino um pouco simplista demais…acho que deve ter muitos outros fatores que contribuíram para esse recorde dela. VO2/ economia de corrida ajudaram, mas da maneira como ele escreve parece que isso levou ao recorde.
    A comparação cavalos/ humanos …Não acho que assim estão isolando o fator “cérebro”. Ele está lá, mas junto com outras coisas. Você já postou sobre isso, com cavalos dá para selecionar os genes, fazer o melhor cruzamento….chega uma hora não tem mais muito o que fazer….Em humanos isso (ainda) não dá….vai na seleção natural!
    A descrição final é bem criativa!

    Curtir

Duvido você deixar um comentário...

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: