Leituras de 4a Feira

*o Feriado é estadual aqui em SP (não é por causa da Copa!), mas a luta tem que continuar! Às leituras do dia!

Veja aqui o teaser daquela que parece ser uma linda prova trail, a Knee Knackering North Shore Trail Run!

Off-topic: meu primeiro contato com atletismo foi aos 11 anos quando o treinador enfileirou todo mundo e fez de cara a molecada correr (competir mesmo!) uma prova de 80m. Nada pedagógico impor tão cedo um ambiente de competição nessa modalidade, que tem justamente um caráter pouco lúdico, afinal, quem em sã consciência brinca muito tempo de só correr? Um dos meus melhores e mais inteligentes amigos sempre diz que “só gosta de correr mesmo quem nunca foi BÃO MESMO em algum esporte coletivo”. Tenho certa tendência a concordar com ele… Várias vezes aqui no Recorrido eu bati na tara idiota da Runner´s World de dar holofotes a pais que colocam crianças para correr Maratonas e Meias. É um enorme e irresponsável desserviço. Como, já disse, há pouca ludicidade na corrida, o volume teria que ir pouco a pouco, treinos pesados deveriam ser homeopáticos, ou seja, em doses mínimas e sem causar nenhum efeito. Nessa palestra do ótimo TED, um treinador fala sobre desenvolver o amor e aderência das crianças e adolescentes no esporte. Pode não ser aplicado especificamente à corrida, mas ele dá ao menos direções do que não fazer.

A Slate revelou que a Maratona de Nova Iorque fechou um patrocínio que traz enorme conflito com a indústria hoteleira local. Não se sabe ainda o desenrolar disso, mas o debate está aberto! Imagine só que louco seria se aqui no Brasil algum veículo sério falasse sobre estatal (sempre as mesmas!) pegando prova com cota de patrocínio de 6 dígitos… Imagina só que #Vid4Lok4…

Você está pensando em aderir a alguns hábitos como o de restringir consumo de carboidrato? Veja aqui como o Pipo Carun entrou para a seita dos low-carb.

Etiquetado ,

9 pensamentos sobre “Leituras de 4a Feira

  1. Julio Cesar Kujavski disse:

    É verdade Balu, a maioria dos corredores por aí são tremendos pernas de pau em quaisquer outros esportes, por isso glorificam tanto a corrida, que aliás é o esporte mais fácil de todos. Não é o meu caso, já que antes de correr jogava voleibol, cheguei à seleção da minha cidade e joguei jogos abertos, depois no futebol fui meia direita com toque de bola refinado e preciso.. rsrs.. jogando no juvenil de um time profissional (naquela época chamava juvenil mesmo, não se falava juniors) depois pratiquei mountain bike, depois ciclismo de estrada, depois um pouquinho de ciclismo de pista, enfim.
    E aliás a cada dia que passa estou achando que os corredores são muito chatos. como diz uma professora minha: só com muita fé pra aguentar papo de corredor.

    Curtir

  2. Tadeu Góes disse:

    “só gosta de correr mesmo quem nunca foi BÃO MESMO em algum esporte coletivo”
    Discordo totalmente: fui várias vezes campeão em jogos estudantis e regionais em basquete, ganhei vários campeonatos em futebol de salão, de campo e volei. Optei pela corrida por não ter o contato físico, que depois de certa idade faz grande diferença na prática de um esporte. E tenho dito !
    P.S.: Gostei do post no feriado.

    Curtir

  3. Adriana Piza disse:

    Eu diria que uma das coisas que criança mais gosta de fazer é brincar de pega-pega, ou seja….correr. Agora daí para competir em prova… já fica chato. Principalmente prova longa!
    Acabei na corrida por ser uma modalidade que depende só de mim, por ser muito tímida quando criança não me sentia bem em esportes coletivos, embora fizesse parte do time da seleção da escola no basquete e handebol. Correndo me sentia bem!
    Muito, muito bom mesmo esse TED!

    Curtir

  4. Balu, dessa vez discordo fortemente de ti. Não tem nada a ver a pessoa escolher correr por não saber praticar outro esporte coletivo. A escolha e crescimento pela corrida acontece muito mais por fatores como acessibilidade, simplicidade, individualidade, do que falta de habilidade em outros esportes.

    Curtir

  5. Estevam disse:

    O relato do Pipo Carun é sensacional! Até tentei entrar para a seita (consegui terminar de ler o Good Calories Bad Calories do Gary Taubes, mas o pedágio para entrar na “seita” está muito caro rsrsrs Ainda sou carbo-dependente.

    Curtir

  6. […] com um belo filme sobre um sem-teto que corre e na outra quando falava de uma palestra (TED) eu defendi o ponto de vista de um grande amigo que diz que “só gosta de correr quem nunca foi BÃO MESMO em algum esporte coletivo”. Não […]

    Curtir

Duvido você deixar um comentário...

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: