Leituras de 4a Feira

Quem lê este espaço sabe bem o que acho de BCAA, meia de compressão, dilatador nasal, palmilha de silicone, suplementos… basicamente movimentam a economia, geram empregos e só. Nada mais. Tenho umas 10 meias de compressão coloridas, acho muita bonitas. E só. A quase totalidade dessas tralhas tem forte componente placebo, mas há muita gente que acredite, afinal cada um crê no que quiser. Agora Alex Hutchinson explica o porquê o efeito placebo pode ser bom. Capitão Nascimento diria: bota na conta do Freud!

Um breve infográfico sobre a evolução dos tênis de corrida. (via Runner´s World)

Já se foi faz muito o tempo no qual eu acreditava firme em meritocracia. É difícil acreditar que temos muito controle daquilo que nos cerca quando até o mês em que nascemos é forte determinante no resultado de tudo. Enfim, se você quiser ajudar seu filho a ser atleta, primeiro escolha seu parceiro, e depois escolha bem o mês do nascimento. O capítulo de Malcolm Gladwell sobre isso em Fora de Série é magistral!

Não sou muito bom nisso nem gosto muito, mas estão pedindo que anotemos o nome de um velocista jamaicano: Jason Francis. Aqui um texto muito bom falando da promessa e do atual momento jamaicano.

Temos todas as desculpas do mundo para não correr. A idade pode ser uma delas. Agora veja o vídeo incrível de um polonês de 104 anos (!!!) que acaba de quebrar um recorde mundial nos 100m!

Será mesmo que o feito de Roger Bannister quebrando a barreira dos 4 minutos na Milha 60 anos atrás não era inédito? Na BBC eles recontam tudo com a precisão britânica de sempre.

A Maratona de Praga divulgou um vídeo bacana com os melhores momentos da prova deste final de semana. A cidade é linda demais! Não tem como a prova não ser boa…

Etiquetado , ,

7 pensamentos sobre “Leituras de 4a Feira

  1. satrijoe disse:

    A prova do vovô de 104 anos parecia ter narração de jóquei club. Só faltou “E cruuuuzam o disco final” huahua. Agora o depoimento dele de que o segredo é não ir ao médico… Tá Serto!

    Curtir

  2. satrijoe disse:

    Assisti ao vídeo da Maratona de Praga: tenho que concordar. A cidade toda parece um grande cartão postal. (obviamente edição de imagens tá aí pra isso). Impressionante o feminino: apenas as 6 primeiras eram etíopes.

    Curtir

  3. adolfont disse:

    Praga é linda mesmo, mas não fiquei com vontade de correr esta maratona. Parece ter trechos bem desertos e que passam por partes não tão bonitas da cidade.

    Curtir

  4. Bem legal a prova do atleta de 104 anos. E não foi tão devagar não. Eu se chegar aos 80 e caminhando já me dou por feliz.

    Curtir

  5. Hélio Shiino disse:

    A consequencia do efeito placebo é devido, NA MAIORIA DAS VEZES, a falta do “Vamos parar um pouco para pensar???”. Tudo bem, não precisamos parar. Podemos pensar enquanto corremos!

    É acreditar em tudo que ouve e em tudo que vê sem ter um mínimo de senso crítico!

    E é aí que entra a Propaganda bem feita com a intenção de te cativar!!! Neste mundo Running a área da Propaganda é o link entre o usuário e a realização do seu sonho enquanto corredor. Vamos dizer que ela tem a faculdade de utilizar da narrativa hiperbólica. Ou seja, exagerar no contexto para impressioná-los a fim de atingir o seu objetivo capitalista!

    A Euforia leva a Debilidade! Questionemos mais antes de “batermos o martelo”!

    Um calçado de corrida que faz “Milagre”!l! Faz até uma lesma virar corredora…

    Curtir

Duvido você deixar um comentário...

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: