De Maratonas, sorteios e as dos sonhos.

Sorteio: Ontem quando ia ao trabalho soube que a Maratona de Chicago agora irá ter vagas via sorteio. Chego no escritório e descubro que a de Paris se esgotou (ok, a prova é agora em Abril). Sabemos ainda do trâmite que é correr Nova Iorque, Berlim, Londres, Marine Corps ou Tóquio (não bastasse pra essa última o longão ser em um avião). Absolutamente nada contra, mas fico imaginando um marciano chegando à Terra; se ele quiser correr uma maratona, vai se perguntar se só existe essa meia-dúzia.

Você pode alegar que “Chicago é uma só”… verdade! Minha preguiça é você ter que decidir na semana seguinte à Berlim, que quer corrê-la dentro de um ano. Aí já é demais. Ou ainda, se eu quisesse correr todas as provas interessantes que há, não daria conta ($$$), por que me matar me comprometendo com algo tão longínquo? Enfim, cada um é cada um, sem críticas!

Críticas: Ainda na parte “sem críticas”, uma coisa me incomoda. No Corrida no Ar de semanas atrás falávamos das provas da Disney, popular entre os brasileiros. Uma ouvinte ficou indignada comigo porque eu teria criticado os brasileiros que correm a prova. Eu sou do partido que acha que toda falha de comunicação é sempre da parte do locutor, jamais de quem escuta ou lê. Tentei me explicar no programa seguinte, mas fiquei incomodado por ter ofendido alguém por um erro meu. Assim como quem se mata pra conseguir vaga pra correr Berlim, não vejo erro. Cada um é cada um. Os eventos da Disney, tenho certeza que são mágicos, bem feitos, excelentes. Apenas questionei e dei minha hipótese para a busca maluca que existe por eles aqui. Só isso. Uma prova ser lenta, como eu disse, não é juízo de valor, é uma constatação lógica. Ela é uma das 5 mais lentas dos EUA ao lado das gigantes Chicago, Honolulu, Los Angeles ou Marine Corps. Ninguém deveria se ofender por querer correr uma prova lenta na mesma medida que não deveria se orgulhar de correr uma prova rápida como Boston, por exemplo, onde qualquer pangaré que nunca correu pode comprar uma vaga. Velocidade não é régua moral, não se ofendam. Mas também não se orgulhem.

Meus sonhos: Por fim, na minha lista de provas dos sonhos a fazer antes de morrer, depois de publicar as Europeias, as de Brasil/EUA/Argentina e as Ultras (do Nishi), ficou faltando as maratonas. São basicamente 3:

boston marathonNão sei muito bem a razão, mas ainda acho que dentro de mim ainda há gás pra correr uma Maratona beeem rápido. Duas na verdade. A que tenho maior vontade é a Maratona de Boston. Sempre quis lá atrás, antes do boom, antes de correr virar modinha, quando ela era quase uma espécie de mundial amador..

frankfurt marathonMas pra correr Boston eu só aceito se for com índice. E o índice quero fazer em 2015 (*contrato ainda sendo firmado com meu calcanhar direito) na Maratona de Frankfurt. E digo mais: se virar vaga por sorteio, desisto. É promessa.

two oceans marathonE por fim, uma que tenho vontade de correr forte, mas nem tanto a Two Oceans Marathon que sempre me encantou. A distância atípica, ter mais de 42km, “tocar” 2 oceanos, o local… enfim, está na minha lista dos sonhos! Mas não espere um ritmo muito forte, não. Vai ser pura diversão.

Etiquetado , , , , ,

16 pensamentos sobre “De Maratonas, sorteios e as dos sonhos.

  1. Pois é, falam tanto que os USA tem centenas de maratonas e etc, e o Adriano foi lá e venceu uma com um pé nas costas com o tempo de 2:39. Este tempo no Brasil não é top 15 em nenhuma maratona. Os estadunidenses tem muitas maratonas, mas também tem muita gente que apenas trota e caminha nas maratonas.

    Curtir

  2. gelmi disse:

    As majors devem ter o seu valor imagino. O certo certamente seria fazer provas pequenas p finalmente fazer uma major. Mas com os critérios de sorteio o corredor tem mesmo de começar cedo a arriscar a sorte e se calhar de ser sorteado ir. Boston realmente é um sonho, mas pra mim distante mesmo.

    Curtir

  3. Enio Augusto disse:

    Tenho várias maratonas que gostaria de fazer, mas como a vontade de treinar para 42 km não existe no momento, estou focando nas meias. E o exterior tem muita meia. Vai faltar tempo para fazer tudo.

    Curtir

  4. Nishi disse:

    Eu não tenho lá muita vontade de fazer major. Seria meio contraditório de minha parte dizer que não curto ter que planejar com tanta antecedência (embora eu fale isso mesmo) e que prova com sorteio é um saco (embora seja), porque eu faço EXATAMENTE isso com a Ultra Trail du Mont Blanc. Mas o fato é que é isso mesmo, fico com preguiça de ter que ficar pensando na prova com um ano de antecedência, marcar férias para o período de uma prova que depois não poderei participar por sorteio… (marcar férias é a pior coisa, tenho que casar com o período de férias dos colegas, tenho que fazer isso numa época em que não saíram os resultados de boa parte dos sorteios…). Prefiro fazer provas menos concorridas, muitas vezes em lugares tão legais quanto as majors e tão organizadas quanto, no quesito essencial que é… corrida!

    Curtir

  5. Luciana Brusco disse:

    Gosto muito de escutar você no Corrida no Ar e há pouco comecei a acompanhá-lo por blog e Twitter. Você me incomoda um pouco, no sentido de tentar tirar o ouvinte/leitor da zona de conforto e pensar em algumas coisas por outro ângulo. Acho isto corajoso e raro. Algumas das muitas vezes que me irritei com algo que você falou, eu não tinha entendido que você só tinha levantado um ponto e não queria me ofender ou atacar minha opinião. Escutei e li suas manifestações sobre as provas da Disney, das quais eu gostaria de participar algum dia, e não me senti ofendida. Humilde de sua parte se desculpar por qualquer mal-entendido. Não interajo com você no Twitter e é a primeira vez que comento no seu blog, mas suas atitudes me fazem uma leitora cativa aqui.

    Curtir

  6. E eu que tava planejando correr a minha primeira maratona em Chicago esse ano. Aí, veio essa história de sorteio… E aí Balú, contar com a sorte ou me inscrever pra maratona da Disney? rss Abraços.

    Curtir

  7. satrijoe disse:

    Como já falei pros amigos: Pra pode correr Boston, preciso manter meu pace de hj pelos próximos 20 anos para conseguir me qualificar… Tá fácil! huahua

    Curtir

  8. Ao meu ver, a vantagem das majors (tirando NY) é um bom percurso, plano e geralmente em clima frio. E uma boa organização e bom público. Você me passou uns links de outras maratonas frias e planas nos EUA, mas parece que nem todas satisfazem a estes critérios.

    NY é especial por NY. O problema é a facada no bolso. É muito caro. Estou inscrito no sorteio mas acho que vou sair. Não vale a pena.

    Vou tentar fazer uma Rock & Roll. Não é barato mas é menos caro. Estou de olho em duas: Raleigh e Nashville. Mas nas duas o percurso não é plano.

    Curtir

  9. Será que existe chance dessas maratonas super concorridas virem a ter uma segunda edição anual, Danilo? E seria algo viável (sucesso de procura, não virar “carne de vaca”, etc…)? Fico pensando (e divagando) nisso quando vejo cada vez mais esse assunto em pauta…
    Abs!

    Curtir

  10. […] do texto De Maratonas, sorteios e as dos sonhos ser recusado, fiz este que também nunca foi publicado. Então republico […]

    Curtir

Duvido você deixar um comentário...

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: